A paixão por carros antigos movimentou a Orla da Atalaia de Aracaju na tarde deste sábado, 16. Em mais uma edição da Expocaf, o Clube de Veículos Antigos de Sergipe conseguiu reunir dezenas de carros com 40, 50 anos de asfalto num dos pontos mais frequentados da nossa capital. Tinha uma verdadeira ‘fuscalhada’ enfileirada de tudo que é ano – alguns restaurados, outros ainda com peças originais. “Muitos são carros que foram dos avôs e seguiram passando de pai para filho”, explica Stanlei Campos, presidente do Clube e um dos organizadores do evento.

Mas o que chamou a atenção mesmo no evento foi o Shelby Cobra V8, de 1982, e o Ford Maverick GT 77, também V8 com 302 cavalos de potência. Às máquinas são sucessos de época e xodós dos seus donos. “É como um filho para mim. Eu praticamente cheguei ao final da restauração. Fiz o motor comando auto quadrijet recentemente. É muita história para contar”, conta Elenaldo Alves, dono do Ford Maverick. Perguntamos se o carro é poupado na garagem e ele retruca: “nada disso. Tem que rodar e acelerar pra amaciar o carro. Até porque carro parado não conta história”, brinca.

O evento reuniu também apaixonados por carros, como o aposentado Neivaldo Soares. “Sou fanático. Essa paixão começou lá atrás, quando fui motorista do Exército e dirigia muitos carros antigos”, adianta. Toda paixão está retratada no seu histórico de veículos. Ele já está no seu sétimo Opala – também um sucesso de época.

A exposição ainda reuniu os famosos ‘golzinhos quadrados’. De acordo com a organização, a reunião de proprietários de carros antigos vem deixando sua marca na capital. “Todo primeiro e segundo sábado de todo mês estamos nos reunindo”, conta Stanlei. A próxima exposição só será realizada agora em 2018.

Fonte: Infonet

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here