Horas depois depois da morte da esposa, que estava grávida de oito meses, o marido de Daiane Reis Mota, Adilson Júnior, confessou que matou a companheira. Ele foi preso, nesta segunda-feira (18), pela Polícia Civil. A vítima foi encontrada em um matagal na cidade de Serrinha, a cerca de 170 km de Salvador.

No sábado (17), o suspeito foi à delegacia denunciar o desaparecimento de Daiane, de 25 anos, e contou à polícia que ela saiu para fazer compras e não voltou mais para casa.

Desconfiada, a corporação iniciou uma série de questionamentos e ele acabou admitindo o crime. Adilson responderá por feminicídio.

Fonte: MSN

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here