O Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose), unidade da Fundação de Saúde Parreiras Horta (FSPH), que integra a Rede Estadual de Saúde, inicia nesta quarta-feira, 10, campanha para incentivar a doação de sangue e garantir a manutenção dos estoques de todos os grupos sanguíneos durante o período do Carnaval. A proposta da ação é chamar a atenção para importância do serviço que atende a demanda diária de transfusões realizadas nos hospitais e maternidades do Estado.

Este ano o tema, “Carnaval Solidário: Proporcione alegria, faça uma doação de sangue antes da folia”, visa elevar as doações nos dias que antecede o feriado prolongado da festa de Momo. De acordo com a gerente de Captação de Doadores, Rozeli Dantas, na semana que antecede o Carnaval o número de comparecimentos ao serviço reduz. “Nesse feriado temos duas situações: muitos doadores ainda estão de férias ou aproveitam o feriado prolongado para viajar, por isso iniciamos esse chamamento antecipado. Precisamos reforçar os estoques”, salienta a assistente social.

Ela destaca que a ação prossegue até o sábado de Carnaval, dia 10 de fevereiro, com os acolhimentos, as campanhas e convocações de voluntários fidelizados para contribuir com a doação. “Lembramos que a unidade disponibiliza o transporte para grupos com no mínimo 30 participantes, que queiram realizar a doação de sangue e ajudar os pacientes que aguardam para fazer as cirurgias com necessidade de transfusão sangue”, explica Rozeli ao informar que nessa data, a unidade irá abrir no horário das 7h às 11h da manhã.

O Hemocentro de Sergipe é responsável pela captação e distribuição de sangue para os hospitais da capital e interior do Estado, incluindo a rede privada, que dependem de bolsas de sangue, para realizar as cirurgias de emergência, para atender os pacientes que correm risco de perder sangue durante o procedimento, além dos pacientes em tratamentos de leucemias, oncológicos e anemias agudas.

“Para realização de cirurgias de emergência é necessário ter um estoque de segurança. O carnaval é uma festa que tem como característica o aumento do fluxo de veículos nas rodovias estaduais e federais, tem também a concentração de pessoas, durante os arrastões e apresentações musicais que acontecem nos municípios sergipanos, como Estância, Itaporanga, Pirambu e Neópolis”, lembra Rozeli.

Condições

Para ser um doador de sangue basta ser saudável, pesar acima de 50 quilos, ter entre 16 e 69 anos, sendo que os menores de idade precisam apresentar o termo de autorização assinado pelos pais ou responsável legal. É preciso ter uma boa noite de sono e no dia da doação tomar um café da manhã reforçado. Também é necessário portar documento de identidade, oficial com foto, válido em todo território nacional.
Mais informações através dos telefones: (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259-3174.

Fonte e foto: SES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here