O Banco do Nordeste firmou, esta semana, convênio de cooperação técnica e financeira com quatro faculdades e uma universidade que atendem a estudantes de Sergipe. O acordo viabiliza a utilização do Financiamento Estudantil (Fies) para alunos que têm nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com subsídio de até 80% do valor da mensalidade.

A Superintendência do BNB em Sergipe assinou o convênio com a Universidade Tiradentes (Unit), Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe (Fanese), Faculdades Integradas de Sergipe (Fise) e Faculdade Pio Décimo. Ao todo, estudantes de 18 cursos podem pleitear acesso ao benefício.

Os interessados devem fazer inscrição com a nota obtida no Enem 2017 e, em seguida, escolher a instituição e o curso de preferência. De acordo com a nota e a quantidade de vagas, os candidatos são pré-selecionados e devem procurar o Banco do Nordeste para dar início ao financiamento. As inscrições serão feitas a partir do dia 19, pelo site do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (www.fnde.gov.br) ou do  Sistema Informatizado do Fies (sisfies.mec.gov.br).

Os alunos que já possuem o Fies e têm interesse na modalidade de financiamento por meio do BNB, podem proceder a migração após a liberação da portaria do Ministério da Educação, ou seja, a partir do segundo semestre de 2018.

Cursos 

O convênio delimita acesso ao financiamento estudantil em oito cursos da Universidade Tiradentes (Administração, Biomedicina, Ciência da Computação, Direito, Engenharia Ambiental, Gestão de Recursos Humanos, Odontologia e Redes de Computadores); seis cursos da Faculdade de Administração e Negócios de Sergipe (Administração, Ciências Contábeis, Direito, Engenharia de Produção, Logística e Marketing); dois cursos da Faculdade Pio Décimo (Engenharia Civil e Engenharia Elétrica); um curso das Faculdades Integradas de Sergipe (Administração); um curso da Faculdade do Nordeste da Bahia (Engenharia Agronômica).

O reitor da Universidade Tiradentes, professor Jouberto Uchôa de Mendonça, acredita na elevação da autoestima e da qualidade de vida. “Essa é uma ação que dignifica o país. Agora que celebramos convênio junto ao BNB – instituição que temos o maior respeito devido às suas contribuições para o desenvolvimento de nossa região –, acreditamos que mais pessoas poderão realizar seus sonhos profissionais e pessoais, contribuindo com o futuro educacional não só do Nordeste, como do país”, declara.

Localizada no município baiano de Coronel João Sá, a Faculdade do Nordeste da Bahia (Faneb) aderiu ao convênio em Sergipe por dois motivos: atende a alunos de municípios como Carira, Frei Paulo e Pedra Mole; e a cidade pertence à jurisdição da agência do BNB em Carira, na região Agreste.

“Com este convênio, o Banco do Nordeste reforça a referência regional como agência de fomento, ao levar oportunidade à população de baixa renda, que eventualmente não teria acesso ao ensino superior”, afirma o diretor geral da Faneb, Cleriston Carlos de Matos.

De acordo com o superintendente estadual do BNB em Sergipe, Antônio César de Santana, o convênio representa uma alternativa positiva para os estudantes. “Por se tratar de um recurso subsidiado, carrega um diferencial em relação às demais fontes de recursos existentes no mercado. Por exemplo: se o aluno graduou em um curso de quatro anos, ao término, ele teria mais dois períodos de idêntico prazo para quitar o financiamento. A taxa de juros vai ficar em torno de 6,6% ao ano, isto é, pouco mais de 0,5% ao mês. E o Banco vai financiar até 80% do valor da mensalidade”, explica o superintendente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here