Mesmo com a revista eletrônica, muitas mulheres ainda insistem em tentar entrar com drogas nos presídios de Sergipe. O aparelho ‘body scan’ da Cadeia Pública de Areia Branca detectou que uma suspeita estava com drogas nas partes íntimas.

 

Segundo a Secretaria de Cidadania e Justiça (Sejuc), a suspeita seguia para visitar o companheiro, mas com a identificação do material foi conduzia a uma sala privada para retirar e entregar a droga.

Após o flagrante, a mulher foi encaminhada à delegacia. Ela teve a carteira de visita suspensa e um processo administrativo vai ser aberto para descobrir o destino e como a droga seria utilizada na unidade.

Fonte G1Sergipe

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here