A febre é o terror de muitas pessoas, principalmente as mães… Mais como todos sabemos ela não é uma doença, mais se trata de um sintoma. Trouxemos pra você muito mais sobre esse assunto… Vamos conferir…

Quando estamos com febre é sinal de que nosso corpo está respondendo á inflamações ou infecções. O aumento da temperatura significa que o nosso sistema imunológico está prejudicando a ação dos vírus ou bactérias que possam estar nos atacando. Vamos saber mais…

FEBRE: SAIBA MAIS SOBRE ELA

Á partir de 38° já pode ser considerado um quadro febril, não podemos nunca esquecer que sempre precisaremos da ajuda de um termômetro para estar tendo a absoluta certeza do quadro.

Os medicamentos geralmente mais receitados pelos médicos são á base de paracetamol ou nimesulida, não podendo nos esquecer que antes de oferecer qualquer tipo de remédio, devemos primeiro observar bem a pessoa e os sintomas que ela tem, para assim futuramente podermos ajudar no diagnóstico.

Temos aqui algumas dicas para o controle do quadro febril até a consulta com um médico, que é o mais apropriado…

COMO CUIDAR DE UM QUADRO FEBRIL

  • Compressas frias no tronco e nos membros: Use uma toalha úmida ou uma bolsa térmica com temperatura mais fria, para poder amenizar os incômodos de um quadro febril.
  • Repouso: Como os batimentos cardíacos ficam acelerados, o ideal é ficar em repouso e não sobrecarregar o organismo.
  • Banho morno: Um banho morno pode ajudar na recuperação da temperatura ideal, mais tem que ser morno, pelo fato de  que o banho frio acelera os batimentos também.
  • Tecidos leves: O importante é ficar confortável e pra isso os panos de algodão são os melhores, pois além da melhor ventilação ainda reduzem a sensação de desconforto.
  • Hidratação: Muita água e líquidos em geral são muito importantes para baixar a temperatura do corpo e evitar casos de desidratação, pois o calor da febre faz você suar, perdendo líquidos, então de alguma maneira você precisa repor.
  • Atenção para os medicamentos: Para cuidar de um quadro febril, é preciso entender a sua origem.  No caso se  for simples, como uma gripe, e não muito alta,até 38°, não há razão para entrar com medicamentos.Agora se estiver com dores pelo corpo, mal estar e outros sintomas, o uso de um antitérmico pode ajudar. Febres acima de 38,5 ou 39 graus causam maior desconforto e podem ser medicadas, mas mesmo assim se o paciente não sentir desconforto, o ideal é observar sem medicar. No caso das crianças pequenas que devem ser tratados para evitar a convulsão febril.
  • Os antitérmicos não são água e usá-los indiscriminadamente pode danificar seriamente a saúde de uma pessoa. Não esquecendo nunca de procurar sempre a orientação de um profissional.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here