Após o pedido da Nacional do MDB para Fábio Reis assumir a presidência estadual em Sergipe, o ex-governador Jackson Barreto pediu a João Augusto Gama para não renunciar ao cargo.

O pedido teve dois objetivos: não contrariar Benedito Figueiredo e viabilizar a aliança com o PT. Jackson temia que com o comando do MDB, Fábio pudesse inviabilizar a aliança com o Partido dos Trabalhadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here