Pouco mais de 150 mil estudantes da rede pública estadual ficam sem aula nesta terça-feira, 12, por força de uma paralisação de 24 horas deflagrada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Sergipe (Sintese) na última sexta-feira (6), durante assembleia geral no Instituto Histórico Geográfico. Às 8h está marcado um ato em frente ao Palácio dos Despachos.
A categoria argumenta que está sem reajuste do piso na carreira desde 2012 e que já há, inclusive, decisão judicial (a partir de ação impetrada pelo Sintese) assegurando o reajuste para todos os níveis da carreira, “mas o Governo do Estado se utiliza de malabarismos jurídicos para não cumprir a decisão”, afirma a diretoria do sindicato.
O ato servirá, também, para protestar contra a implantação do Ensino Integral nas escolas de ensino médio do Estado. O  Ensino Médio em Tempo Integral – EMTI foi implantado pela Secretaria de Estado da Educação no ano passado e já alcançou 42 unidades escolares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here