No Twitter, seu “jornal eletrônico”, o senador Antonio Carlos Valadares (PSB) diz que Marcelo Déda e Jackson Barreto (MDB) não queriam Belivaldo Chagas, à época no PSB, como candidato a vice-governador porque “entendiam que ele não tinha votos”.

Em sua mensagem, Valadares pede “o benefício do respeito para, ao menos, esconder a sua ingratidão e o seu oportunismo”, referindo-se a Belivaldo.

O Senador da gente‏ @ValadaresPSB

 

Déda e JB não queriam Belivaldo para vice, porque ambos achavam que ele não tinha votos. Aceitaram o nome dele por m/insistência. Ñ queira agora ele colocar em mim a pecha de traidor. Me dê o benefício do respeito, para, ao menos, esconder a sua ingratidão e o seu oportunismo.

Valadares diz que Belivaldo “devia assumir que preferiu cargos e poder”.

O Senador da gente‏ @ValadaresPSB

 

Pra justificar a traição ao PSB, Belivaldo faz discurso demagógico pra agradar sua platéia. Melhor assumir q preferiu cargos e poder; e que fez acordo com JB pra dividirem entre si a força da máquina em benefício das duas candidaturas: Belivaldo pra governador e JB pra senador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here