O governador Belivaldo Chagas (PSD) e o ex-governador Jackson Barreto (MDB), recorreram ao TRE pedindo que o tribunal proibisse que o senador Antonio Carlos Valadares (PSB) continuasse a falar em “marketing do mal”, alegando danos à imagem e à honra.

O TRE negou, permitindo que o senador continue usando a expressão ao se referir ao marketing de campanha de Belivaldo e Jackson.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here