Foi aprovado nesta quinta-feira (27), por unanimidade, na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), o Projeto de Lei que pretende garantir aos funcionários da Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) o vínculo com o estado, caso a Fundação seja extinta como está previsto para o ano que vem.

Após a aprovação na Alese o projeto segue para a sanção do governo.

Em nota, o Sindicato dos Trabalhadores da Área de Saúde do Estado (Sintasa), considerou o resultado satisfatório para a categoria, mas não descarta a possibilidade de novas reivindicações no futuro, para garantir a total estabilidade desses servidores.

Entenda o caso

No dia 26 de janeiro de 2018 ficou acordado, durante uma audiência realizada na Justiça Federal, que o contrato da Secretaria de Estado da Saúde (SES) com a Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) terminaria no dia 31 de março de 2019.

Em 2014, o MPF questionou na Justiça Federal o contrato firmado entre o governo de Sergipe e a Fundação Hospitalar de Saúde, solicitando que o Estado fosse obrigado a retomar o controle da gestão da saúde, não renovando o contrato com a Fundação.

Na ocasião, uma das preocupações do MPF era com os trabalhadores que foram contratados pela Fundação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here