Na avaliação geral feita por usuários do Hospital Universitário de Lagarto (HUL-UFS), em pesquisa de satisfação realizada entre 4 de junho e 18 de julho deste ano, e apresentada esta semana pela Ebserh, 64,37% dos pacientes do HUL se disseram satisfeitos. E 92% deles afirmaram que indicariam a unidade hospitalar para outras pessoas.

O HUL também foi avaliado como bom nos quesitos Higiene, Limpeza e Organização (75,61%); Conforto das Instalações nas Áreas de Atendimento (73,05%); Atendimento de Recepção (75,95%); e Atendimento da Equipe de Saúde (74,44%). E regular nos quesitos Tempo de Espera pelo Atendimento/Internação (42,09%); e Conforto no Local de Recepção (61,58%).

A pesquisa foi aplicada pelas ouvidorias dos hospitais universitários da Rede Ebserh, com os pacientes se posicionando em cada uma das suas unidades hospitalares. Com relação ao tempo de espera para atendimento, o HUL ressalta que por ser um hospital porta aberta de Urgência e Emergência deve ser avaliado de forma diferenciada em comparação com os demais hospitais da rede, que em sua maioria atende de forma regulada – ou seja, não atende por demanda espontânea.

A Pesquisa de Satisfação dos Usuários tem por objetivo avaliar a percepção de satisfação dos usuários dos hospitais sob gestão da Ebserh, com vistas ao aprimoramento da qualidade do atendimento.  Segundo o Ministério da Saúde, satisfação do usuário é a “condição que se percebe nos pacientes, no âmbito da saúde, consubstanciada em um contentamento advindo da realização de suas expectativas em relação à atenção sanitária recebida”.

“Para a gestão do HUL, a pesquisa mostra elementos importantes que norteiam nossa ação”, avalia o professor Valter Santana, superintendente da unidade hospitalar. “Por ser um instrumento que mostra a opinião dos nossos usuários, dá-nos subsídios para agirmos em pontos com o intuito de melhorarmos a cada dia os serviços prestados à população”, destaca.

O HUL se encontra em processo de mudança e reestruturação. A unidade hospitalar está sob gestão plena da Ebserh desde 22 de dezembro de 2017, e nesses primeiros nove meses a rotina tem sido a de contratação de profissionais através de concurso público, aquisição de equipamentos, criação de novos serviços e fluxos de processos para a melhoria do atendimento.

“Todas essas providências e iniciativas, que certamente beneficiarão cada vez mais os usuários não tem outro propósito senão o de avançar com a melhoria do atendimento, integrando ensino e pesquisa, e considerando central as necessidades de saúde do município de Lagarto e da nossa região”, destaca Valter Santana. “Mas não resta dúvida de que se configura num desafio trabalhado a cada dia, sempre nos movendo o desejo e propósito de prestarmos o melhor atendimento em favor do público usuário, beneficiando a todos, sobretudo aos que mais necessitam de acolhimento e atenção”, ressalta.

1 COMENTÁRIO

  1. Tem profissionais competentes, que estão sempre se aprimorandos através da política implantada pelo hu . Vivenciei e tive amigos internados lá , quando se é acolhido propícia um excelente atendimento . Se não atende alguém por questão de lotação e falta de profissionais , aí pode ser questão de investimentos . Sendo que a forma de contratação para alguns setores é a mais justa , que é por maio de (concurso público) ; possa que isso incomode alguns que vivem no apadrinhamento .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here