A partir de janeiro de 2019, o delegado Alessandro Vieira (Rede) e o médico Rogério Carvalho (PT) se unem à senadora Maria do Carmo Alves (DEM) na composição da bancada sergipana no Senado Federal.

Eleitos com mais de 40% dos votos válidos, os novos senadores representam camadas bem distintas do eleitorado e têm visões divergentes a respeito de alguns temas polêmicos como o porte de armas e a reforma da previdência, mas concordam quanto a necessidade de ajustes no sistema tributário e no pacto federativo.

 

3 COMENTÁRIOS

  1. Prezado Senador delegado Alessandro Vieira vou falar pela maioria dos seus eleitores.
    O que esperamos do senhor como nosso novo Senador são medidas extremas de combate à corrupção que atrasou nosso estado durante décadas e que ainda acontece portanto dê maia poder e carta Branca aos órgãos investigativos e ao judiciário Sergipano pra tirar de circulaçao os sangue-sugas dos cofres publicos é faça-os pagar por seus crimes.
    Esperamos e torcemos por isso.

  2. LI EM UM SITE DE NOTICIAS QUE SE ALGUM GRUPO DE LAGARTO QUISER APOIAR O CANDIDATO A GOVERNO BELIVALDO TERÁ QUE TER A APROVAÇÃO DOS REIS KKKKK ISSO PRA MIM É UMA PIADA, SINCERAMENTE VOTEI NELE MAIS COM ESSA BABAQUICE ACABO DE MUDAR MEU VOTO PORQUE VEJO QUE ESSE CANDIDATO É FARINHA DO MESMO SACO, É COMO AQUELE DITADO MARIA VAI COM AS OUTRAS.

    • Não é de se espantar não amigo.
      Análise dessa maneira a Família Reis tomou frente Sá campanha de Belivaldo na cidade enquanto 15 vereadores apoiaram Valadares filho somente os 2 deputados da família Reis se mantiveram fiéis ao Governador mesmo ele sendo execrado por todos os apoiadores de Valadares e Amorim.
      Isso não é ser farinha do mesmo isso se chama fidelidade partidária que por incrível que pareça e uma das poucas atitudes honrosas dentro da política.
      E venhamos e convenhamos depois de perder no primeiro turno apoiar quem tem Vitória certa é fácil como corta manteiga com faça quente né?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here