Valmir será substituído numa cerimônia de posse comandada por seu filho, que é presidente da Câmara Municipal de Lagarto.

Na véspera da posse de Hilda Ribeiro, Vice-Prefeita que assume hoje (27) o cargo de Prefeita da cidade de Lagarto, Valmir Monteiro lança uma nota oficial aos Lagartenses e seus eleitores sobre o seu afastamento da prefeitura por decisão judicial.

Valmir foi retirado das funções administrativas como chefe do executivo municipal em função de uma determinação do MP estadual, que apontou irregularidades no matadouro municipal. Além dele, dois secretários da gestão também foram afastados, são eles: Anderson Souza de Andrade (Finanças) e Floriano Santos Fonseca (Administração).

Ontem, também foi enviado ofício para a câmara de vereadores pela Juiz(a) de 1ª Vara Cível de Lagarto, a Dra. Carolina Valadares Bitencourt, intimando o presidente da câmara Ibrain Monteiro – filho de Valmir – a realizar os trâmites necessários para a posse da substituta de seu pai.

Em nota assinada pelo investigado, ele diz respeitar pedido da justiça. Critica atitude da oposição por tentativas de pôr “em dúvida” unidade do grupo e de “tumultuar ambiente administrativo” e informa que modelo de governo será mantido por Hilda.

Leia a nota oficial de Valmir na íntegra:

Nota oficial – Valmir Monteiro (Prefeito de Lagarto)

Amigos e amigas, lagartenses e sergipanos,

Através desta nota oficial, venho esclarecer e informar o conjunto da sociedade acerca de meu posicionamento quanto aos recentes episódios que intranquilizaram os 32.966 eleitores lagartenses que, em 2016, novamente confiaram a mim os destinos de nossa amada cidade. Vale ressaltar que, naquela oportunidade, fui eleito prefeito de Lagarto pela segunda vez com a maior diferença de votos da história do município, com 11.846 votos de vantagem sobre nosso adversário, perfazendo um total de 59,24% dos votos válidos.

Nesse contexto vitorioso, poderia me arvorar, não sem razão, do quão é imperioso e necessário se respeitar a vontade da população. Mas a experiência pessoal e administrativa que Deus me deu honra de acumular nos últimos anos me dá a sobriedade necessária para informar a todos que, em virtude de decisão judicial, respeitarei pedido de afastamento do cargo que me foi confiado pela maioria da população. Dito isto, duas questões merecem esclarecimento.

A primeira é quanto a minha tranquilidade em relação as motivações do pedido e da consequente penalização a mim e aos lagartenses imposta. O Matadouro Público Municipal de Lagarto tem um histórico secular. E, de minha parte, todas as adequações sanitárias e administrativas propostas pelo Ministério Público Estadual vêm sendo atendidas. E mesmo que as supostas irregularidades no referido espaço público tenham sido também cometidas em mandatos anteriores aos meus, considero que fui eleito não para reclamar dos problemas existentes, mas para solucioná-los a bem da coletividade. Por isso mesmo é que confio na Justiça sergipana e sei que ela garantirá o melhor e mais justo desfecho para esta situação.

E a segunda questão a ser esclarecida diz respeito a minha substituição no comando da administração municipal pela nossa vice-prefeita. A sociedade lagartense sabe que a nossa gestão não é apenas de Valmir Monteiro. É de Valmir Monteiro, de Hilda Ribeiro, nossa vice, de Gustinho Ribeiro, nosso federal eleito, de Ibrain Monteiro, nosso estadual eleito, de todos os amigos e lideranças que fazem parte de nosso agrupamento e, principalmente, é uma gestão de todos os lagartenses. Assim, venho tranquilizar a toda a população, pois tenho certeza que nossas políticas públicas, de valorização dos servidores, de compromissos firmados e honrados e de melhoria da qualidade de vida de nosso povo serão continuadas por Hilda Ribeiro. Os ataques e as tentativas de colocar em dúvida a nossa união são apenas tentativas de tumultuar o ambiente administrativo e levar preocupação para os lagartenses por parte de uma oposição desesperada, derrotada nas urnas e que não tem projeto para a coletividade, ficando eles apenas na defesa de seus interesses pessoais. De nossa parte, nós somos grupo, colocamos os interesses públicos acima dos pessoais e, por isso, temos sido vitoriosos nas urnas ao longo das últimas eleições.

Sem mais para o momento, agradeço a atenção e o carinho de todos. E sigo com minha fé em Deus inabalada, seguro de que d’Ele emana todo o poder e toda a razão.

Valmir Monteiro
Prefeito eleito pelo povo de Lagarto.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here