A Liga Acadêmica Em Inclusão dos Deficientes Auditivos e Surdos Em Saúde (LAIDASS) é uma iniciativa de um grupo de universitários do Campus Lagarto, juntamente com professores e especialistas, com foco no auxílio e estudo da capacitação de profissionais da saúde para o atendimento aos deficientes auditivos e surdos.

O embrião do projeto surgiu a partir das vivências da atual presidente da Liga, a estudante de Farmácia Joyce Moura, que antes de ingressar na universidade já tinha adquirido experiência com a Língua Brasileira de Sinais (Libras) e a comunidade surda, o que a fez compreender melhor as dificuldades e necessidades desse público.

Chegando à UFS em 2017, Joyce desejava criar um projeto que envolvesse a temática, foi quando apresentou a ideia ao Professor Almir Barbosa dos Santos, graduado em Português/Inglês, Mestre em Libras com especialização em Libras e o convidou para ser o orientador da LAIDASS.

A Liga Acadêmica em Inclusão dos Deficientes Auditivos e Surdos na Saúde  tem como objetivo estudar a preparação dos profissionais de saúde no atendimento aos surdos, bem como  auxiliar os universitários da instituição nessa perspectiva. Desse modo, visa também incluir os surdos e deficientes auditivos na saúde, em especial, quanto relação de comunicação entre profissional e usuário.

Com isso, a ação tem como meta compreender as problemáticas vivenciadas cotidianamente pelos surdos na saúde, contribuir na aprendizagem em Libras dos acadêmicos da instituição, facilitar a integração dos usuários portadores de deficiência auditiva e surdos no acesso à informação da área de saúde, promover eventos a fim de sensibilizar e conscientizar para a importância da fluência na Língua Brasileira de Sinais (Libras), rompendo a barreira de comunicação que existe entre o paciente surdo e os profissionais de saúde.

A atividade tem caráter interdisciplinar, envolvendo os diversos cursos do campus. Nesse sentido, a diretoria conta com a participação de: Sibelle de Jesus, estudante de Enfermagem, Amanda Ferreira, estudante de Medicina, Rayssa Lôbo, estudante de Farmácia, Évora Gaia, estudante de Fonoaudiologia e José Júnior, estudante de Fisioterapia.

O projeto já teve uma aula inaugural, que ocorreu no dia 21 do mês passado, com o tema: “Minhas Mãos Gritam, Mas Ninguém Escuta”, sendo o primeiro evento da LAIDASS. Na ocasião, a comunidade acadêmica contou com as palestras do Professor Me. Almir Barbosa e do colaborador do projeto Julyanderson Ferreira, surdo e formado em Letras Libras e instrutor de curso de Libras. Assistiram às palestras alguns portadores de deficiência auditiva, surdos e universitários. O momento marcou a interação entre os estudantes e os portadores de deficiência – pontuando o que a Liga propõe.

 

Símbolo da LAIDASS, iniciativa universitária para a melhoria no atendimento aos portadores de deficiência auditiva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here