Nesta semana, quatro pessoas foram presas pelo crime de furto qualificado, durante uma operação que teve o objetivo de combater as ligações irregulares de água, os famosos “gatos”, em Poço Verde.

Ação teve o objetivo de combater os famosos gatos (Foto: MPSE)

De acordo com o Ministério Público do Estado de Sergipe, mesmo após uma ampla divulgação em carros de som, rádios e afins, no município citado, dos 22 imóveis foram vistoriados, desde a última segunda-feira (6), 15 estavam em situação irregular. Por isso, as prisões.

“Além de caracterizar uma conduta criminosa, os prejuízos causados à população são preocupantes, já que a fraude compromete o abastecimento de água na cidade e nos povoados, pois afeta o fluxo e a vazão de água, gerando o risco de contaminação da rede de água pelo esgoto”, pontuou o promotor Diego Gouveia.

A próxima etapa – seguirá até a próxima sexta-feira (10). Nela, a operação deverá percorrer alguns bairros e povoados de Poço Verde. 

Toda a ação conta com a participação de funcionários da DESO, polícia civil, polícia militar, peritos criminais e o membros do Ministério Público.

Recomendação –  Diante da situação, o MP recomenda aos cidadãos poço-verdenses que estiverem interessados em regularizar a situação do fornecimento de água que procurem o posto local da DESO.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here