REAÇÃO TRICOLOR

Palmeiras e Bahia empataram em 2 a 2 na noite desta quinta-feira, no Pacaembu, no encerramento da 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time paulista, com o segundo jogo seguido sem vitória, descolou-se mais da parte de cima da tabela: está a 12 pontos do líder Corinthians e a quatro do vice-líder Santos. A equipe baiana respirou na briga contra o rebaixamento: atingiu a 14ª colocação, com um ponto a mais que o São Paulo, o primeiro dentro do Z-4.

COMEÇO…

Willian vinha de quatro rodadas sem gol no Brasileirão – na 22ª, tinha feito dois na vitória por 4 a 2 sobre o São Paulo. Nesta quinta, foi para a rede com menos de dois minutos. Ainda no primeiro tempo, Bruno Henrique aumentou a vantagem alviverde.

…FIM

No último lance da etapa inicial, Edigar Junio, que voltou a ser titular na estreia do técnico Paulo Cesar Carpegiani, colocou a equipe tricolor de volta no jogo com um gol de cabeça. E aos 43 da etapa final, de pênalti, ele foi para a rede de novo, empatando o placar

ANÁLISE DO VERDÃO

O Palmeiras jogou 15 minutos eletrizantes contra o Bahia. Para ser mais preciso, 15 minutos e um lance, o do segundo gol, aos 38 do primeiro tempo. Foi o bastante para abrir 2 a 0, mas não o suficiente para aguentar a reação do rival, que conseguiu arrancar o empate em 2 a 2 e criou muito mais chances de gol – 10 a 4, segundo o scout da TV Globo.

Na verdade, se não fosse pelo goleiro Fernando Prass, autor de pelo menos cinco defesas na partida, o Verdão poderia até ter sofrido a virada

Por Globo Esporte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here