A modernidade tomou conta de inúmeros processos simples do dia a dia. O hábito de cozinhar, por exemplo, já não é o mesmo. Isso porque, o microondas e as panelas elétricas chegaram para ficar e facilitam a rotina de muita gente. Comida congelada, por exemplo, é o prato principal de muitas famílias que precisam ganhar tempo durante a semana, e é bem provável que você seja essa pessoa ou conheça alguém com essa prática, não é?

Mas, até que ponto a comida que sai direto do freezer 220v ou 100v é benéfica e saudável para o organismo humano? Segundo o engenheiro de alimentos Douglas Fernandes Barbin, professor da Unicamp, o congelamento de alimentos é a forma de manter o produto em um  estado mais próximo ao original. Assim, é possível evitar que microrganismos capazes de causar intoxicações surjam.

(Crédito: Divulgação)

Contudo, apesar dos benefícios, cada alimento possui um tempo de qualidade no freezer ou congelador; ainda que o mais indicado seja manter todos a uma temperatura de -18ºC. De acordo com a autoridade sanitária Mariana Uenojo, da Covisa – Coordenação de Vigilância em Saúde – “O tempo interfere tanto na qualidade do produto quanto na textura, sabor e características microbiológicas, relacionadas à segurança para o consumo”.

Dessa forma, é válido observar o tempo de congelamento dos produtos em sua casa. Uma dica é anotar em uma etiqueta a data do congelamento e, assim, acompanhar a qualidade dos alimentos a partir das seguintes indicações:

  • Arroz em recipiente de plástico totalmente vedado dura até três meses;
  • Carnes cozidas em embalagens de plástico duram dois a três meses;
  • Aves cozidas armazenadas em recipientes de plástico com completa vedação duram até 4 meses;
  • Carnes e aves cruas sem tempero, em recipiente plástico, duram até 12 meses;
  • Bacon, linguiça e presunto em saquinhos plásticos vedados, duram de um a dois meses;
  • Peixe magro em potes plásticos dura de quatro a seis meses;
  • Peixe gorduroso, como salmão, dura até dois meses;
  • Massas prontas sem molho, em embalagens de plástico, duram até três meses;
  • Massas prontas com molho devem ser armazenadas em vidro e duram até três meses;
  • Molhos e sopas armazenados em recipientes de vidro duram de dois a três meses;
  • Nenhum tipo de queijo fresco deve ser congelado, porque tem muito líquido. Mas, os demais podem ser congelados por, no máximo, um mês. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here