Na última segunda-feira (22), foi confirmado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) a oitava morte por dengue em Sergipe. A vítima foi uma mulher de 32 anos, moradora do Bairro Industrial em Aracaju que faleceu no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), no final do mês de junho.

O óbito estava sob investigação para que se tivesse certeza sobre a causa, e foi comprovado que a vítima faleceu em decorrência de complicações por dengue, segundo Mércia Feitosa, Coordenadora de Vigilância Sanitária da SES. Ainda de acordo com ela, foram confirmados 1.645 casos de dengue no estado.

Segundo os resultados do terceiro Levantamento Rápido do Índice de Infestação (LIRAa) da Secretaria de Estado da Saúde (SES), divulgado em maio, dos 75 municípios sergipanos, 21 encontravam-se com alto risco de infestação por Aedes aegypti, 44 com médio e 10 em baixo risco. No levantamento anterior eram 12 com alto risco.

Demais Casos

O primeiro caso ocorreu em fevereiro deste ano, quando a SES confirmou a morte de uma criança de seis anos que deu entrada no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) no dia 15 do segundo mês do ano.

O segundo caso, confirmado no dia 2 de maio, foi de um menino de sete anos que faleceu no Hospital Regional de Nossa Senhora da Glória em decorrência de uma dengue grave. Ainda no início de maio, um adulto também faleceu por conta de dengue grave, segundo a SES. A quarta vítima, sendo a terceira no mês de maio, foi uma criança de 5 anos que veio a óbito no dia 13.

Já no mês de junho, uma menina de 10 anos faleceu por conta da doença no município de Propriá. O sexto óbito foi registrado no dia 1° de julho, assim como a sétima morte em decorrência da dengue que vitimou um idoso de 82 anos em Aracaju.

Ao todo, desde o início do ano, foram confirmadas as mortes de cinco crianças e três adultos em Sergipe por conta da dengue. Os casos foram registrados nas cidades de Aracaju, Monte Alegre, Feira Nova, Nossa Senhora das Dores, Nossa Senhora de Lourdes e Propriá.

Prevenção

Como não existe vacina ou medicamentos contra a dengue, a única maneira de evitá-la é se prevenindo. Por isso, é importante manter o domicílio sempre limpo, evitar água parada e eliminar os possíveis criadouros do mosquito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here