Na última quarta-feira (14) a Diocese de Estância divulgou a transferência do Pe. Paulo Seza Bispo para a Paróquia Nossa Senhora da Piedade, em Lagarto. Sendo assim, o Pe. Seza deixa de ser administrador paroquial da Paróquia Nossa Senhora do Amparo, em Riachão do Dantas, e passa a ser vigário paroquial em Lagarto.

Seu posto, em Riachão, será assumido por Pe. Wagner Batista Santos, que era vigário paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Itabaianinha.

Em comunicado divulgado nas redes sociais, Pe. Seza disse que a transferência, feita pelo Bispo diocesano, Dom Giovanni Crippa, não foi realizada de maneira arbitrária, mas por conta de sua situação de saúde que pede tratamento mais intenso.

“Peço a compreensão e oração de todos. E desde já, rogo que recebam o próximo padre, Pe. Wagner Batista, com todo amor e carinho, e até mais, que me receberam. Por fim, eterna gratidão por tudo. Deixo também o meu pedido de desculpas pelas falhas humanas. Irei para a Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, em Lagarto, pois é lá que faço os três tratamentos”, explica Pe. Seza.

Sua missa de despedida vai acontecer no dia 22 de agosto, às 19h, na Paróquia de Nossa Senhora do Amparo, em Riachão do Dantas.

Outras transferências e nomeações

Também foram anunciadas pela Diocese de Estância a transferência do Pe. Elesandro Mendonça, que até o momento era vigário paroquial da Paróquia Nossa Senhora da piedade, em Lagarto, e agora passa a ser nomeado como vigário paroquial da Paróquia Santa Luzia (Bairro Alto da Boa Vista – Lagarto).

Além disso, Pe. Eudson da Silva, que até o momento era vigário paroquial da Paróquia São Sebastião, em Poço Verde, será nomeado como vigário paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Itabaianinha.

Trajetória

O Pe. Paulo Seza Bispo nasceu em Tomar do Geru e após ser ordenado, em 2015, atuou como vigário da Paróquia Senhora Sant’Ana, em Simão Dias, onde chegou a receber o título de cidadão Simãodiense pelos relevantes serviços prestados ao município. Já Pe. Wagner Batista, nasceu em Boquim e desde 2015, após sua ordenação sacerdotal, atuava em Itabaianinha.  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here