Depois de observar o tipo de alimentação que muitas crianças levavam diariamente para a escola, o professor Antônio Carlos Renan decidiu estimular os alunos do 2° ano da Escola Estadual Antônio Muniz de Souza, em Poço Verde, a construírem um terrário, recipiente onde se cultivam algumas espécies de plantas.

Projeto teve o objetivo de estimular alimentação saudável entre as crianças.

O projeto tem como objetivo incentivar uma alimentação saudável, dando oportunidade para que as crianças produzam seu próprio alimento. Por isso, os estudantes plantaram coentro, muito utilizado para temperar alimentos, e quando chegar o momento da colheita, irão para a cozinha preparar um lanche nutritivo.

Para realizarem a plantação, os alunos tiveram que ir a campo, visitando a chamada Praça do Cruzeiro, que fica ao lado da escola. Lá eles coletaram pedras, terra, além de insetos e minhocas  para compor as camadas do terrário.

Crianças preparam a terra com pedras e insetos que contribuem para o crescimento dos alimentos.

O professor aproveitou a oportunidade para explicar para os estudantes quais insetos contribuem para o crescimento dos alimentos e quais interrompem sua vida saudável. Depois disso, as crianças adubaram a porção de terra utilizada.

Estudo realizado pela Federação Mundial de Obesidade (2019) revela que, em menos de uma década, o número de crianças e adolescentes acima do peso deve salta de 220 para 268 milhões, em decorrência do que eles consomem tanto em casa quanto na escola, onde passam boa parte do tempo.

 Atividade seguinte
 
A segunda fase da atividade terá continuidade em sala de aula com o tratamento dos assuntos em torno da higiene, cuidados pessoais e com a natureza, a importância dos animais e o ciclo da vida, além dos cuidados com o terrário e o progresso dos coentros.  
 
Para o encerramento dessa atividade, em 30 de setembro, o professor Renan planejou o Dia da Comilança, momento em que os alunos irão colher e produzir um lanche natural contendo um ingrediente cultivado por eles.

Na ocasião, os pequenos serão conduzidos pela equipe de merendeiras da unidade, dando a chance de conhecerem as propriedades nutritivas do alimento, além de levar o coentro semeado na escola para casa, a fim de explicar às famílias a importância daquilo que produziram com as próprias mãos.

Com informações da ASN

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here