Conscientizar profissionais e usuários da segurança do paciente como prioridade na assistência à saúde. Com esse propósito os hospitais da Rede Ebserh participam nesta terça-feira da campanha internacional em torno do Dia Mundial da Segurança do Paciente.

A iniciativa é da Organização Mundial de Saúde (OMS) e tem apoio no Brasil da Sociedade Brasileira para a Qualidade do Cuidado e Segurança do Paciente (Sobrasp). O tema desta edição é “Fale pela Segurança do Paciente”. O objetivo é diminuir ou eliminar riscos no cuidado aos usuários.

Para o gerente de Atenção à Saúde do Hospital Universitário de Lagarto (HUL-UFS/Ebserh), professor Manoel Cerqueira Neto, o propósito maior do exercício diário de uma cultura de segurança está na construção de processos de cuidado centrados em segurança e qualidade. ”Fazendo de cada fluxo e protocolo o melhor modelo assistencial a ser ofertado aos usuários e corpo clinico”, ressalta.

Para o gestor, essas práticas oportunizam a alunos e residentes um aprendizado norteado por processos e rotinas assistenciais seguras e de qualidade. “Determinantes para a formação de um profissional de excelência, considerando também a nossa condição de hospital de ensino e pesquisa”, diz.

Dentre as ações desenvolvidas no HUL, entrega de crachá com as seis metas internacionais de segurança do paciente, contendo ainda o passo a passo para notificação de queixas técnicas, incidentes e eventos adversos; ações educativas e de conscientização nas alas, setores e corredores da unidade hospitalar; premiação com certificado aos colaboradores que mais notificaram ao longo do ano, como forma de estímulo e reconhecimento; além da iluminação da unidade hospitalar com a cor laranja, em alusão ao Dia Mundial da Segurança do Paciente.

“A comemoração desta data envolve um convite para que todas as instituições de saúde somem esforços na luta pelo reconhecimento da importância da segurança do paciente, visto que ela é componente básico para a qualidade da assistência”, destaca Adriana Lopes Santos Santana, chefe da Unidade de Vigilância em Saúde do HUL.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here