O Hospital Universitário de Lagarto (HUL-UFS/Ebserh) proporcionou ao longo desta semana uma série de ações e atividades envolvendo pacientes e acompanhantes, como parte da programação da Semana da Terapia Ocupacional na unidade hospitalar, que teve como lema “Ajudando a (re) construir o dia a dia das pessoas”.

Um dos momentos marcantes foi a ação interdisciplinar que proporcionou momento de interação e lazer na área externa do HUL, ao som de música regional e atividades vivenciais, com a participação também de profissionais fisioterapeutas e educador físico.

Programação da Semana da Terapia Ocupacional no HUL contou ainda com distribuição de material educativo para usuários e profissionais.

“O objetivo foi fazer uma ação que envolvesse colaboradores e usuários, tanto pacientes quanto acompanhantes, na perspectiva de que o ser humano precisa ser olhado para além da medicação, pois é constituído de várias dimensões – biopsicossocial e espiritual”, destacaram os terapeutas ocupacionais envolvidos. “E ter um momento de lazer que estimule as funções cognitivas, motoras, sensoriais, afetivas e sociais, considerando suas crenças, valores e cultura”, disseram. 

O paciente Rogério de Santana, 45 anos, fez questão de falar da sua satisfação com as atividades proporcionadas e do quanto achou inusitada e interessante a iniciativa no ambiente hospitalar. “A gente fica tanto tempo deitado e em cadeiras de rodas por conta da internação que poder vir aqui fora do hospital e aproveitar um momento como esse ajuda a distrair, a passar o tempo”, observou. “Hoje foi um dia inesquecível para mim”, comentou.

Técnico de enfermagem do HUL e músico voluntário no evento, Augusto Mendes também ressaltou a importância da iniciativa. “É maravilhoso participar de eventos como este e através da música observar a felicidade e o entusiasmo de pacientes que estão em leitos no hospital e hoje têm essa oportunidade”, ressaltou.

Programação

A programação da Semana da Terapia Ocupacional no HUL contou ainda com distribuição de material educativo para usuários e profissionais, ressaltando a importância das atividades da categoria no dia a dia do hospital; realização de bingo adaptado sobre risco e prevenção de quedas, com pacientes das enfermarias das clínicas Médica e Cirúrgica; além de apresentação de Literatura de Cordel feita pela acadêmica de Terapia Ocupacional da UFS Lagarto Marcela Santana de Jesus, que descreveu sobre o trabalho da categoria para os colaboradores presentes no refeitório do hospital. 

“Unir a poesia, a literatura de cordel a algo que sempre gostei, que é a terapia ocupacional foi como unir o útil ao agradável”, destacou Marcela Santana. “No curso de Terapia Ocupacional trabalhamos muito esse aspecto da expressão, então surgiu a ideia de utilizar o Cordel como uma forma de chegar até as pessoas e falar sobre a Terapia Ocupacional”, explicou.  

A Terapia Ocupacional, assim como a Fisioterapia, tem o 13 de outubro como data comemorativa.  De acordo com registros históricos, foi nessa data, em 1969, que um decreto-lei regulamentou a atividade dos profissionais das duas categorias. A iniciativa no HUL oportunizou lembrar a importância de se conhecer com mais profundidade as profissões e de revalorizar o papel e protagonismo desses profissionais na produção de bem-estar e saúde no dia a dia da unidade hospitalar.

Fonte: EBSERH

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here