No final da tarde desta quinta-feira (26), o Deputado Federal Fábio Reis chegou em sua residência na cidade Lagarto e recebeu a redação do Portal Lagartense em primeira mão, para contar tudo sobre a cirurgia realizada no último dia 19.

Nas primeiras horas da quinta-feira (19), a população lagartense acordou com a notícia de que Fábio Reis tinha entrado em centro cirúrgico para realização de um procedimento de caráter emergencial. Todos os meios de comunicação do estado notificaram sobre o fato, informando que o deputado tinha sofrido “infarto” e a população ansiosa por mais informações. Poucas horas depois todos foram tranquilizados, não havia tido complicações na cirurgia e o deputado passava bem.  

O que de fato aconteceu?

O Deputado Fábio Reis estava fazendo check up quando descobriu uma alteração patológica no coração diagnosticado como Comunicação Interatrial (CIA), no grosso modo falando, uma abertura na parede do coração que separa o lado direito do esquerdo e que estava ocasionando uma inchação em um dos lados do coração. Esse “buraco” é natural desde a fase de nascimento da criança, porém o comum é que nos primeiros anos de vida, esse “buraco” se feche. Quando isso não acontece, é necessário fazer uma correção com um profissional especializado.

Essa anomalia pode sim causar infarto, mas não aconteceu no caso de Fábio. Desde que descobriu o problema estava se preparando para fazer a cirurgia, mas estava dependendo do plano de saúde liberar o procedimento e tinha uma previsão que até a primeira semana de novembro o procedimento fosse liberado. O seu médico orientou que a cirurgia precisava ser feita o quanto antes e solicitou o procedimento de emergência.

Apenas no final do dia da quarta-feira (18), à noite, Fábio foi notificado que a cirurgia estava marcada para à quinta-feira às 06h30 da manhã. Logo, a cirurgia não estava prevista para aquela data, como alguns veículos de comunicação noticiaram.

Sobre comentários maldosos que profanaram a respeito do deputado estar fazendo a cirurgia para se ausentar da votação no legislativo, Fábio nos respondeu:

“Não respondo a esse tipo de pessoa maldosa e infeliz. Exerço o meu cargo com responsabilidade e compromisso e continuarei assim até o final de meu mandato. Jamais me submeteria a isso, quem em sã consciência se submeteria?”

O procedimento é muito moderno e eficaz e o deputado está em excelente estado de saúde. Na tarde de hoje o deputado retornou a cidade de Lagarto, para continuar com o repouso, apenas com algumas restrições: até os 30 dias, o deputado não pode praticar atividade física, pegar peso, ter estresse e/ou preocupação. Mas tirando isso, tudo foi liberado pelo seu médico.

“Até a alimentação não alterou, estou me alimentando normalmente e de coração novo. Só tenho a agradecer a Deus e a todos que manifestaram carinho e apoio, através de ligações, mensagens…” declarou o deputado alegremente.

Sobre o pós operatório Fábio disse: “A cirurgia foi muito simples, embora eu fiquei muito apreensivo e ansioso pelo fato de ser em uma órgão extremamente sensível. As primeiras 24 horas foram realmente desgastantes por conta do efeito da anestesia, eu não conseguia me alimentar, nem dormir e estava muito cansado, mas no outro dia pela manhã, já fiz fisioterapia andando pelos corredores do hospital, me alimentei e o médico muito satisfeito com resultado do procedimento.”

“Graças a Deus a cirurgia foi um sucesso”

No próximo dia 6, o mesmo já retorna às atividades no legislativo.

2 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta para Julio Cesar Cancelar resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here