Após a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Itabaiana, embora a deputada estadual Maria Mendonça negar que não rompeu com o prefeito Valmir de Francisquinho, o rompimento agora é certo.

Isso aconteceu porque dois vereadores liderados por Maria Mendonça ajudaram a eleger a nova presidente da Casa, já que ouve empate na votação ocorrida nesta quinta-feira (26),  e com isso assumiu  Ivoni Andrade, por ser a mais velha e que é ligada ao grupo de Luciano Bispo.

Na manhã desta sexta-feira (27), a deputada Maria Mendonça negou que tenha orientado os vereadores e que “o prefeito quer me colocar a pecha de traidora. Primeiro o senhor me respeita, porque nós não abrimos mão da ética e da moral. Se o senhor quer romper isso é com o senhor. Eu não rompi com ninguém”, disse a deputada.

Maria Mendonça disse ainda que não foi comunicada da eleição pelos dois vereadores, o que foi confirmado pelo vereador João Cândido, que garantiu ele e o vereador Zé Roberto não foram orientados pela deputada para votar em Ivoni Andrade.

Ainda durante a entrevista, a parlamentar disse que “política é via de mão de dupla e que os vereadores podem ter se sentido desprestigiados pelo prefeito”.

Sobre o suposto rompimento, o vereador João Cândido disse que o prefeito Valmir vem procurando motivo para romper com a deputada. O vereador afirma que em Itabaiana existe dois grupos políticos, um liderado por Luciano Bispo e o outro por Maria Mendonça.

Já o prefeito Valmir de Francisquinhho voltou a falar sobre o assunto e informou que ainda hoje irá se reunir com seu agrupamento e que poderá demitir todos os cargos em comissão indicados por Maria Mendonça.

Sobre as declarações do prefeito, Maria Mendonça disse que “é preciso que o prefeito diga a Sergipe que quer que eu saia do seu caminho, que tenha a dignidade de dizer isso”, finalizou a deputada.

Fonte: Munir Darrage do Fax Aju

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here