O primeiro Levantamento de Infestação do Aedes Aegypti (LIRAa) de 2020 apontou uma queda acentuada do risco de Riachão do Dantas sofrer com um surto do mosquito transmissor de doenças como a Dengue, Zyka, Chikungunya e Febre Amarela.

De acordo com os dados, em setembro de 2019, Riachão registrou o percentual de 9.1, o que é considerado muito alto, enquanto que em janeiro deste ano o percentual de risco caiu para 3.8.

Em nota, a Prefeitura Municipal de Riachão do Dantas comemorou os dados e informou que eles são fruto de um trabalho realizado por meio de ações executadas pela Secretaria Municipal de Saúde e o Governo do Estado.

No entanto, a gestão municipal fez um alerta à população: A chegada do calor e do período chuvoso é propícia para reprodução do mosquito. Portanto, é a época do ano que requer mais cuidado do poder público e, principalmente do cidadão.

Cabe destacar que o objetivo do LIRAa é proporcionar aos municípios melhores condições de fazer o planejamento das ações de combate e controle do mosquito. Uma vez que quanto menor o índice, menor a possibilidade de surto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here