Entre a noite da última sexta-feira, 17, e a manhã do sábado, 18, a sede da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Lagarto foi alvo de criminosos, que arrombaram um de seus acessos laterais e furtaram diversos materiais. O crime foi percebido por um dos funcionários que chegara para um sábado normal de trabalho.

De acordo com Armando Fontes, presidente da Apae Lagarto, os marginais levaram 20 metros de cerca elétrica, além de lampadas, ventiladores e outros materiais elétricos. Como resultado, os servidores da associação ficaram amedrontados. “O problema é aquele Centro dos Idosos abandonado que está juntando bandido”, observa.

O presidente da Apae ainda destacou que, se não houvesse expediente no sábado, o prejuízo poderia ter sido ainda maior. “Eles achavam que a Apae não funcionava no sábado. Então eles voltaram no outro dia numa moto, mas quando perceberam o movimento, eles acabaram fugindo”, relembra.

Diante do caso, Armando Fontes disse que foi à Delegacia Regional de Lagarto prestar o Boletim de Ocorrência “com os olhos cheios de lágrimas”. “Isso desmotiva a gente, pois fazemos um trabalho voluntário que nos obriga a, financeiramente, matar um leão por dia. Agora teremos que realizar uma campanha para levantar o muro que fica entre a Apae e o Centro dos Idosos e instalar uma nova cerca elétrica”, acrescenta.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here