Num país em que mais de 11 milhões de pessoas estão desempregadas, programas de transferência de renda fazem toda a diferença, sobretudo entre os menos favorecidos economicamente. Por isso que no Brasil existe o Programa Bolsa Família, que somente em Lagarto beneficia mais de 16 mil cidadãos de baixa renda.

No entanto, por questões de diversas naturezas, muitas famílias carentes não conseguem o acesso ou são excluídas do programa do governo federal. Por isso, a Câmara de Vereadores de Lagarto aprovou e a prefeita de Lagarto, Hilda Ribeiro, instituiu o Programa Renda Cidadã, que tem a permissão de acolher até 1 mil beneficiários.

Nele, a Prefeitura de Lagarto paga mensalmente uma ajuda de custo no valor de R$ 110,00 tanto para quem ainda não conseguiu o acesso, quanto para quem foi excluído do programa federal. Inicialmente, a medida contava com 50 famílias beneficiadas, mas neste mês de fevereiro o quantitativo de beneficiários subiu para 300, o que representa uma repasse de R$ 33 mil por mês a famílias carentes de Lagarto.

Número de beneficiários saltou de 50 para 300, em pouco menos de três meses

Para Valdiosmar Vieira, secretário Municipal do Desenvolvimento Social e do Trabalho, o quantitativo de famílias beneficiadas pode aumentar ao longo do ano caso as taxas de desemprego, e a quantidade de pessoas excluídas ou que ainda não conseguiram acesso ao Bolsa Família do governo federal aumentem. Além disso, ele acrescentou que o valor transferido pela gestão tem feito a diferença junto a quem mais precisa.

“O Renda da Cidadã foi fundamental, porque apesar de não ser um valor grande, os R$ 110,00 têm feito a diferença junto a quem foi excluído do Bolsa Família ou que precisam de uma ajuda para ter melhores condições de vida. E isso tem sido relatado pelas próprias famílias durante as reuniões mensais que fazemos com elas, o que nos deixa feliz enquanto gestão municipal, porque são nesses momentos que pudemos ver que, dentro dos nossos limites financeiros, estamos conseguindo alcançar aqueles que mais necessitam”, comemorou o secretário.

Valdiosmar Vieira: Esse recurso tem feito a diferença na vida de quem precisa

Vale ressaltar que a última reunião entre a Prefeitura de Lagarto e os beneficiários do Renda Cidadã ocorreu no último dia 07 de fevereiro, no auditório da Secretaria Municipal de Educação. Lá, a prefeita Hilda Ribeiro reconheceu que o valor pago programa de transferência de renda poderia ser maior, mas destacou que “Não é fácil administrar tendo de estar sempre preocupada em fechar as torneiras, apertar os cintos dos gastos e medir cada investimento financeiro que fazemos”.

“Esse é um benefício muito importante para quem mais necessita. Infelizmente, o Governo Federal vem promovendo grandes cortes nos programas sociais, como no Bolsa Família, por exemplo. Mas seguiremos mantendo aqui o compromisso de cuidar das pessoas e das nossas famílias garantindo uma renda que, a princípio, pode parecer mínima, mas eu sei que é muito importante na complementação da renda familiar”, concluiu a gestora.

Hilda: “Seguiremos mantendo aqui o compromisso de cuidar das pessoas e das nossas famílias”

1 COMENTÁRIO

  1. Mas que cara de pau esse Valdiosmar, dizer que o Governo Federal vem cortando investimentos nos programas sociais.
    O que está sendo cortado, são as FRAUDES!!!
    Esse próprio programa que vcs estão fazendo propaganda foi criado pelo Bolsonaro, fora a implementação do 13° para o Bolsa Família!
    Lagarto tem os políticos que o povo merece!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here