O prédio da Maternidade Monsenhor Daltro, localizado no centro de Lagarto, foi colocado à disposição do Governo do Estado e da Prefeitura de Lagarto, a fim de ampliar o número de leitos para tratar os pacientes que vierem a sofrer com o novo coronavírus (COVID-19).

Prédio da antiga Maternidade Monsenhor Daltro

O anúncio da disponibilidade foi feito no último final de semana pelo deputado estadual Ibrain Monteiro (PSC), após tratativas com a direção da Associação Cultural e Recreativa de Lagarto, responsável pelo prédio que já não presta mais serviços voltados ao nascimento de um bebê.

Diante disso, na manhã da última segunda-feira, 23, uma engenheira clínica e um engenheiro civil vinculados ao Hospital Universitário de Lagarto, uma das referencias estaduais no tratamento de pacientes do COVID-19, realizaram uma vistoria técnica no local.

Nas redes sociais, Ibrain divulgou um registro da visita afirmando que “O momento é unir forças”

O objetivo da ação, que contou com a presença de técnicos da Prefeitura de Lagarto, José Carvalho de Menezes e do deputado Ibrain Monteiro, foi aferir as condições estruturais do prédio para abrigar leitos dedicados aos pacientes da pandemia. No entanto, foi verificado que o espaço necessita de adequações por não possuir sistema de oxigênio e requerer reformas no telhado e na parte elétrica. 

“Os engenheiros avaliaram as condições do prédio e, posteriormente, emitirão um laudo sobre as condições. Mas em relação as adequações e também a instalação dos equipamentos, isto será discutido entre os poderes responsáveis. Uma vez que, agora, o que a gente espera é que todos os segmentos políticos coloquem de lado suas diferenças e se somem na busca de soluções, até porque a humanidade está lutando para sobreviver”, comentou José Carvalho de Menezes.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here