Diante da pandemia do novo coronavírus e da crescente suspensão de atividades em detrimento do isolamento social recomendado pelo Ministério da Saúde e pela Organização Mundial de Saúde (OMS), surgiram informações de que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano seria adiado.

Diante de tais informações, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, utilizou sua conta no twitter para desmentir o suposto adiamento. Segundo o ministro, o objetivo da mencionada informação foi apenas gerar pânico, uma vez que o assunto sequer foi discutido no Ministério da Educação.

“Tudo vai ser estabelecido conforme orientações do ministro Mandetta [Saúde] e do presidente Bolsonaro. Infelizmente, nesse momento de união aparecem calhordas contando mentiras a respeito de coisas importantes, para gerar terror na população. Não acreditem neles”, concluiu Weintraub.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here