O grupo Maratá doou na última segunda-feira, 13, à Secretaria da Segurança Pública  (SSP) 210 litros de álcool líquido 70%, que serão destinados para os profissionais da Segurança Pública que atuam diretamente no atendimento ao público e no combate à criminalidade em meio à pandemia da covid-19.

Segundo o secretário da segurança pública, João Eloy, os profissionais da Segurança Pública têm feito um trabalho estratégico durante a crise. “Estamos atuando no combate ao crime e ao mesmo tempo, sendo protagonistas com informações importantes para a população. Continuaremos atuando 24 horas, todos os dias da semana, independente da crise”, reforçou. 

Grupo doou 210 litros de álcool líquido 70%, que serão destinados para os profissionais da Segurança Pública.

O material será destinado para equipes da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Coordenadoria Geral de Perícias (Cogerp), já que todas estas Instituições têm profissionais atuando permanentemente. Os 210 litros de álcool se somam a uma onda de solidariedade que tem tomado instituições e pessoas que reconhecem o papel indispensável da segurança pública dos dias atuais.

Mais doações 

Em uma parceria com a usina Campo Lindo e a Universidade Federal de Sergipe (UFS), a Secretaria da Segurança Pública (SSP) recebeu, no final de março uma doação de 5 mil litros de álcool 70%. O produto líquido, que foi envasado em recipientes de um litro, vem sendo transformado em álcool em gel, por estudantes e profissionais do Departamento de Farmácia da UFS. O material é distribuído para servidores da Segurança Pública que estão na ponta dos trabalhos preventivos contra o Covid 19. 

Em meio à pandemia do novo coronavírus, a UFS já faz esse trabalho importante e está produzindo, por dia, de 15kg a 25 kg de álcool gel e 50 litros de álcool 70% glicerinado, para distribuir e evitar a escassez do material nos Hospitais Universitários, localizados em Aracaju e Lagarto, e em asilos do estado, durante o período de pandemia do novo coronavírus.

Já um um grupo de especialistas em farmacotécnica da Universidade Tiradentes – Unit – produziu 600 quilos de álcool gel 70% graças a parceria firmada com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, por meio do Instituto Médico Legal. Toda confecção do material foi concluída e destinada à SSP que, por sua vez, faz a distribuição entre os órgãos da Coordenadoria Geral de Perícias – que além do IML contempla ainda o Instituto de Identificação, o Instituto de Criminalística, e o Instituto de Análises e Pesquisas Forenses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here