Em entrevista concedida para a ESPN Brasil, o lagartense naturalizado espanhol, Diego Costa, explicou os motivos de preferir defender as cores da Espanha durante as Copas do Mundo de 2014 e 2018. 

Segundo o atacante, em uma conversa com o então técnico, Luiz Felipe Scolari, na única vez em que foi convocado para atuar com a amarelinha, em dois amistosos, os dois conversaram sobre seu empresário português, Jorge Mendes, que tinha boa relação com o treinador da seleção.

“Quando estava na seleção (brasileira), Felipão me disse que eu era o único jogador de Jorge Mendes convocado. Que história é essa? Se você me convocou pelos negócios, estou no lugar errado”, disse o atleta. 

“A possibilidade da Espanha surgiu, eu aceitei. Logo depois, começaram a dizer que Felipão me queria. Não me chamou uma vez.”

Como o atacante só havia participado de dois jogos amistosos com a camisa do Brasil, pôde jogar pela Espanha na Copa do Mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here