O Instituto Médico Legal (IML) recolheu quatro corpos em Sergipe. Deste total, um foi recolhido em Simão Dias e outro de Riachão do Dantas, na região centro-sul do estado.

O corpo recolhido em Simão Dias foi do Enilton Cordovil Coelho, de 36 anos, que morreu após entrar em confronto com policiais do COPE. Ele era um dos criminosos mais perigosos do Ceará e um dos líderes de uma facção criminosa em atividade no Amazonas.

Já o corpo de Riachão do Dantas foi recolhido no Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE). Ele era de uma senhora de 81 anos, que foi identificada por Jacira Maria dos Santos e que foi vítima de uma queda de própria altura.  

Os outros dois corpos foram recolhidos em Nossa Senhora do Socorro e no povoado Lagoa Nova, em Itaporanga D’Ajuda. Tratam-se de dois homens, um de 36 e outro de 50 anos. O primeiro foi vítima de suicídio, enquanto a causa da morte do segundo não foi determinada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here