Desde o dia 18 de março, em decorrência da pandemia de covid-19, muitos cidadãos Brasil afora tiveram suas rotinas transformadas. Tanto é que muitos passaram a trabalhar e estudar em casa, local onde alguns descuidos geralmente acontecem e que podem causar lesões pelo corpo.

Segundo Danieli Moreira, fisioterapeuta do IFS, um dos descuidos mais comuns é o ergonômico, caracterizado por fatores como postura inadequada, esforço físico, ritmo intensivo, levantamento de peso, repetitividade e postura estática. “Todos esses fatores predispõem a lesões no sistema que compõem os ossos e os músculos, podendo trazer consequências como as doenças relacionadas ao trabalho (DORT), geralmente lesões por esforço repetitivo (LER)”, relata.

Além disso, a fisioterapeuta observou que as principais lesões relacionadas ao teletrabalho (também chamado atualmente de home office) são as cervicalgias (dores no pescoço), lombalgias (dores na coluna lombar), tendinites e bursites (inflamação e dor nos tendões e bursas, respectivamente), causadas pela manutenção de posturas estáticas e mobiliário inadequado.

Como prevenir?

De acordo com Danielli Moreira, a prevenção do risco de tais lesões se baseia em quatro principais atividades:  preparo físico, correção postural, treino de habilidade e pausas compensatórias. Sobre o preparo físico, ela indica a atividade física regular, com duração de uma hora, por cinco vezes na semana, e que envolva alongamento e fortalecimento.

Já a correção postural é a educação postural (perceber quando está errado e buscar a correção), além da adequação do mobiliário de trabalho. Quanto ao treino de habilidade, no caso do teletrabalho e dos estudos em casa, envolve principalmente a capacidade de manutenção da postura sentada e digitação. Por fim, as pausas compensatórias são paradas estratégicas a cada turno com duração média de 15 minutos para alongamentos e adoção de posturas compensatórias.

Artes visuais: Instituto Federal de Sergipe

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here