A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) registrou mais quatro casos de Covid-19 na última segunda-feira, 14, em Lagarto. Com isso, o número de pessoas que testaram positivo para o novo coronavírus subiu para 2.634. Tratam-se de quatro mulheres, residentes da zona urbana, com idades entre 14 e 46 anos.

Ainda de acordo com o boletim epidemiológico da SMS, foram confirmadas 37 novas altas, elevando para 1.696 o número de lagartenses curados da Covid-19. 

Até o momento, foram realizados 3.961 testes, dos quais 1.305 foram descartados e 22 aguardam o processamento da amostra e liberação do resultado pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Sergipe (Lacen). 

Já o número de  lagartenses que estão em isolamento domiciliar é de 838 e o total de pessoas internadas é de 18, sendo 16 em leitos de enfermaria e dois na UTI.

Sergipe 

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou na última segunda-feira, 14, o boletim epidemiológico do coronavírus, com 213 casos e sete novos óbitos. Em Sergipe, 75.046 pessoas já testaram positivo para a COVID-19 e 1.956 morreram. Todos os sete óbitos estavam em investigação e foram confirmados. Até o momento, 68.746 pacientes foram curados.

Duas mortes são de Aracaju, ambas de homens: de 61 anos, com hipertensão e diabetes; e de 84 anos, com doenças cardiovascular e neurológica crônicas. Os demais óbitos são: mulher, 22 anos, de Aquidabã, com cardiopatia; homens, de 79 anos, com doenças cardiovascular, hepática crônica e renal crônica, e 66 anos, com diabetes, hipertensão e cardiopatia, ambos de Itaporanga; mulher, 48 anos, de Moita Bonita, com doença cardiovascular crônica; e homem, 78 anos, de Japaratuba, com hipertensão.

Foram realizados 158.328 exames e 83.282 foram negativados. Estão internados 224 pacientes, sendo 94 em leitos de UTI (68 na rede pública, sendo 68 adultas e 0 pediátricas; e 26 na rede privada, sendo 24 adultas e 2 pediátricas) e 130 em leitos clínicos (102 na rede pública e 28 na rede privada). São investigados mais 13 óbitos. Ainda aguardam resultado 314 exames coletados.

Com informações da SES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here