O professor Fabiano Batista Oliveira, natural de Lagarto, do Centro de Excelência Dom Luciano Cabral Duarte – Unidade que oferece ensino médio em tempo integral –  teve o seu trabalho duplamente reconhecido. No dia 7 de novembro a Assembleia Legislativa de Sergipe aprovou por unanimidade o requerimento de número 1182/2017, de autoria da deputada Ana Lúcia e subscrito pelos parlamentares Garibalde Mendonça, Luciano Pimentel e Moritos Matos, apresentando os votos de congratulações ao professor pelo trabalho “Chico, Tom, Vinícius e Drummond – Quatro sons, quatro dons – o coração da literatura bate aqui”. O relato foi vencedor na 10ª edição do Prêmio Professores do Brasil.

O mesmo trabalho do professor foi reconhecido pelo Conselho Estadual de Educação de Sergipe, presidido pela conselheira Luana Silva Boamorte de Matos, que em Sessão Plenária realizada em 19 de outubro, aprovou por unanimidade dos membros presentes a Moção de Louvor a Fabiano Oliveira.

O professor Fabiano declarou que esse reconhecimento demonstra a importância da educação em tempo integral. “Um trabalho como esse ser reconhecido, nesse momento em que estamos implantando o ensino integral nas escolas da rede estadual de ensino, trabalhando com o protagonismo juvenil, mostra que estamos no caminho certo. Isso nos dá força para continuar o nosso trabalho em prol da educação sergipana”, afirmou.

Produção

As obras dos artistas Chico, Vinicius, Tom e Drummond ganham novas roupagens e elementos cênicos que serão apresentados ao público em grande estilo, no formato programa de auditório. A produção apresenta danças e teatro como “Gota d’água’.

Para a apresentação foram utilizados palco, luzes de led, fumaça e telões. Cada apresentação durou no máximo três minutos para que o público pudesse saborear as várias vertentes da literatura. Uma grande produção para a literatura virará arte maior nas mãos dos alunos do Dom Luciano. As turmas são de nível médio, 2º e 3º anos e colocam em prática as teorias aprendidas durante o ano letivo.

“Colocar na prática as teorias vistas em sala é um dos objetivos da apresentação. Torná-los protagonistas da ação educativa. São quase três meses de ensaios em meio a textos de Vinicius de Moraes, Tom Jobim, Chico Buarque e Carlos Drummond, selecionados como foco da Vitrine 2017. Será uma produção de luz, som e palco que coloca a literatura num patamar de espetáculo”, ressaltou Oliveira. 

Fonte: Ascom SEED

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here