O volante só disputou duas partidas em 2020 por conta disso o atleta preferiu não dar um prazo para a sua estreia pelo Dragão. Ele também aguarda a publicação do seu contrato no BID da CBF.

– Não jogo desde junho. Desde então estou em casa trabalhando com um personal. Logico que é um pouco diferente, mas a gente vem sempre se preparando. É difícil falar quando estarei preparado porque depende muito da minha evolução dentro dos treinamentos. Se Deus quiser, se eu estiver preparado até lá e puder contribuir de alguma forma dentro de campo eu vou fazer o meu melhor para ajudar o Confiança – contou o volante.

Conhecido do técnico Daniel Paulista, com quem já trabalhou no Sport, ele falou um pouco de características como jogador e sobre o pensamento do clube na competição.

– Na Turquia tive a felicidade de fazer alguns gols. Sou jogador mais de marcação, mas quando tenho oportunidade gosto de chegar ao ataque. Já trabalhei com o Daniel Paulista no Sport, mas com os jogadores ainda não. Vejo o elenco todo muito forte para a sequência da Série B. Acho que o objetivo é primeiro traçar os pontos da permanência e depois disso a gente vai pensar em uma coisa melhor dentro da competição – finalizou.

O jogador de 34 anos já atuou pelo Atlético Mineiro, Vasco, CRB, Criciúma, Al Wasl, Akhisar Sport, entre outros. O último clube onde atuou foi no Villa Nova-MG, onde fez dois jogos esse ano. Pelo Galo, ele foi quatro vezes campeão mineiro (2007, 2010, 2012 e 2013) e integrou o elenco campeão da Libertadores de 2013.

Atualmente, o Confiança é o oitavo colocado da Série B, com 29 pontos. A próxima partida da equipe é somente no dia 20 de novembro, às 16h30 (horário de Brasília), na Ressacada, pela 22ª rodada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here