Policiais civis da Delegacia Regional de Lagarto, com o apoio da 1ª Divisão da unidade policial, deflagraram uma operação que resultou na prisão de dois homens, de 31 e 19 anos, respectivamente, suspeitos de uma tentativa de homicídio no dia 24 de outubro deste ano, no bairro Campo da Vila, em Lagarto. As detenções ocorreram nas cidades de Lagarto (SE) e Salvador (BA) durante a tarde dessa quarta-feira, 18.

Uma das prisões ocorreu no bairro Campo da Vila, em Lagarto, e a outra aconteceu na rodoviária de Salvador.

Segundo a delegada Regional, Michele Araújo, a Polícia Civil realizou diversas diligências, que evidenciaram a participação dos investigados presos no dia de hoje, na tentativa de homicídio que vitimou José Witalo Ferreira Cruz, tendo como motivação uma disputa entre grupos criminosos com atuação na cidade de Lagarto.

“Por meio de todo o trabalho investigativo, reunimos diversas provas relativas ao caso e chegou ao nosso conhecimento que um dos investigados, que já  encontrava-se foragido da cidade, estava na cidade de Salvador. Nesse sentido, diante da urgência, representamos ao Poder Judiciário pela prisão deles e, de forma muito prestativa, o promotor de justiça e a juíza que estavam no plantão noturno do Tribunal de Justiça de Sergipe atenderam o pedido e foi deferida a representação por volta das duas horas da manhã dessa quarta-feira”, explicou.

Uma das prisões ocorreu no bairro Campo da Vila, em Lagarto, e a outra aconteceu na rodoviária de Salvador. O detido na capital da Bahia será recambiado para Sergipe, onde ambos ficarão custodiados preventivamente, à disposição da Justiça.

De acordo com o delegado Alisson Lial, as equipes da 1ª Divisão da Delegacia Regional de Lagarto participaram da operação policial prendendo o investigado que estava em Lagarto. “Prestamos o apoio operacional e, mediante ações de inteligência, chegamos à localização do investigado que estava em Lagarto, resultando no total êxito da missão de hoje”, disse.

A Delegacia Regional de Lagarto encontra-se empenhada na elucidação dos homicídios ocorridos na cidade e nos próximos dias outras prisões deverão ocorrer. Qualquer informação que auxilie a Polícia Civil no combate ao crime pode ser repassada pelo Disque-Denúncia (181), sendo garantido o sigilo do denunciante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here