Em pronunciamento realizado em suas redes sociais, a prefeita de Lagarto, Hilda Ribeiro (Solidariedade), informou que a Prefeitura de Lagarto, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, tem mantido contato com o Instituto Butatan, de São Paulo, visando a aquisição de doses da CoronaVac, para potencializar a vacinação em todo o município.

A prefeita lembrou que a campanha de vacinação já deve começar na próxima semana, com a disponibilização das doses pelo Ministério da Saúde, e que Lagarto já possui oito salas de vacinação e oito pontos de apoio. “Dois pontos de vacinação terão o horário estendido até às oito da noite, na Colônia Treze e no Centro de Imunização que a prefeitura está implantando”, destacou.

A Coronavac, produzida pelo Instituto Butatan em parceria com a chinesa Sinovac, tem eficácia contra todos os casos de COVID-19 de 50,38% – acima do mínimo de 50% recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Ela possui eficácia de 78% contra casos leves e de 100% contra os casos considerados moderados ou graves da COVID-19.

Além disso, a CoronaVac é a única disponível para o Brasil, já que o governo da Índia afirmou não ter condições de entregar a tempo os dois milhões de doses solicitados pelo governo Bolsonaro do imunizante da AstraZeneca, mais conhecido como vacina de Oxford. O país asiático iniciará sua campanha de vacinação neste domingo, 17, porque  – diferente do Brasil – a Índia liberou o uso emergencial da vacina. 

Veja também: Conheça o plano de vacinação contra a Covid-19 de Lagarto

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here