Um mulher foi presa depois de matar a filha de cinco anos, no povoado São Cristóvão, em Maravilha, no Sertão de Alagoas. A criança ainda teve os olhos e a língua arrancados com uma tesoura. 

O crime aconteceu no último domingo, 24, mas a informação só foi divulgada ontem, 25, pela Polícia Civil. Ainda de acordo com a polícia, a suspeita tem transtornos mentais.  

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a perícia. Já a suspeita, foi encaminhada para a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, em Delmiro Gouveia,  e depois disso, foi autuada pelo crime de homicídio e  vai para o Presídio Feminino Santa Luzia, em Maceió. O caso será investigado pelo delegado Diego Nunes, da Delegacia Regional de Ouro Branco.

Em contrapartida, o Ministério Público pede que ela seja internada no Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico, por conta de sua periculosidade e da gravidade do crime. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here