No último sábado (2), ocorreu o 1º Encontro de Universitários e Secundaristas de Sergipe na Faculdade AGES-campus Lagarto, que foi realizado com sucesso e mostrou que os estudantes, quando organizados, conseguem desenvolver projetos fantásticos e que possam contribuir para a formação de uma consciência coletiva que valorize arduamente a educação.

Mesmo o público sendo o esperado pela organização, os que estavam presentes aproveitaram bastante e não tiveram do que reclamar. Toda construção do projeto foi bastante trabalhosa e necessitou de muito esforço da organização do coletivo Central dos Grêmios Livres, que apesar de novo na região vem fazendo um trabalho notável na educação estadual, através da criação de Grêmios Estudantis e da promoção de projetos culturais para o público estudantil.

De acordo com os membros da entidade, para que o projeto fosse construído, bens pessoais foram vendidos e diversas formas de arrecadação de recursos foram feitas, afinal, o evento foi custeado quase que completamente pelos próprios estudantes.

Um fato destacável foi a ausência e resistência por parte de muitos setores da sociedade e movimentos ligados ao social em apoiar o evento, que abordaria o tema educação de uma forma nunca feita no estado.

A programação das palestras no evento foi bastante diversa e contou com um público bastante crítico, que contribuiu significantemente para que o diálogo fosse estabelecido e que todos tivessem espaço de fala. Entre os palestrantes fizeram-se presentes o Professor Rusel Barroso, representando a Academia Lagartense de Letras, a Professora Luana Oliveira, discorrendo sobre o tema Sustentabilidade, Luiz Abelardo e Dr. Methanias Colaço sobre um aplicativo que visa a ampliação da participação dos estudantes na sociedade, Professor Osmário Figueiredo tratando sobre a gestão democrática na rede pública, o Professor Marcos Goes falando sobre a importância de uma boa relação entre professor e aluno, Cláudio Prado do Mídia Ninja sobre a Cultura Digital, e a presença do vocalista da Banda Detonautas, Tico Santa Cruz, expondo a importância do ativismo estudantil no atual cenário brasileiro.

Em matéria de apresentações culturais, estiveram presentes o grupo teatral Máscaras e Camaleões dos estudantes do IFS e o grupo cultural Tecendo a Manhã. As atrações musicais que animaram todos foram: Banda Inteira, Banda Nuvem Negra, Banda Vinte e 7, Banda Versos e Morfina, Banda Cebola Radioativa, Dj Dantikoo e a Banda Detonautas Roque Clube, tocando músicas do seu novo disco.

A organização do evento se diz muito grata a todos os apoiadores do evento, entre empresários e pessoas pessoas físicas que acreditam na mudança da realidade através da educação. Direcionam uma gratidão muito especial em relação a Faculdade AGES, na figura do Professor Wilson e em toda sua equipe diretiva, por terem acreditado veemente na ideia dos jovens e não terem medido esforços para construir o projeto conjuntamente.

A Central dos Grêmios afirma que continuarão realizando eventos e projetos culturais na cidade e em região, propagando o ideal da tolerância, do respeito e da participação de todos os estudantes enquanto cidadãos de uma sociedade.

Confira as fotos do evento em nossa galeria.
Para mais informações acesse as redes sociais do movimento:
Página Facebook
Página Instagram

Fonte: Ascom do Coletivo Central Grêmios Livres

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here