PUBLICIDADE

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
page

PUBLICIDADE

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
page
Publicidade

Estudante é esfaqueada por colega próximo a escola em SE

SAMU

Na última segunda-feira, 01, uma estudante foi esfaqueada por outra colega menor de idade nas imediações de uma escola da rede estadual localizada no município de Nossa Senhora do Socorro, Grande Aracaju. Segundo informações da Polícia Militar, o crime foi registrado como tentativa de homicídio.

Ainda segundo a PM, a vítima foi encontrada deitada e ensanguentada, sendo socorrida pela coordenadora da escola com apoio de um policial, que prestaram os primeiros socorros. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado posteriormente e conduziu a adolescente até o Hospital de Urgência de Sergipe – Gov. João Alves Filho (Huse).

A PM disse ainda que foi resgatada a arma branca utilizada na tentativa de homicídio. Ela estava coberta de sangue e foi localizada com a informação de um funcionário sobre o local onde a suspeita teria dispensado a arma.

A Polícia informou também que a guarnição realizou diligências na região, indo até a residência da suspeita. “A menor foi apreendida e conduzida à Delegacia, acompanhada por sua tia, que residente no mesmo endereço dela”, afirmou.

Seduc

Em comunicado, a Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (Seduc) destacou que repudia todo e qualquer ato de violência nas comunidades escolares, assim como a propagação de vídeos em redes sociais. “Isso vai de encontro aos princípios educacionais e à cultura de paz implementada nas escolas da rede pública estadual”, pontuou a pasta.

Ainda segundo a Seduc, ao tomar conhecimento do lamentável episódio nas imediações de uma escola da rede, a gestão da unidade, por meio da Diretoria Regional de Educação 08 e da direção da escola, acionou o botão de pânico e, imediatamente, o Departamento de Segurança Escolar, a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe) chegaram à comunidade para dar assistência.

“Também foram acionados os profissionais do Programa Acolher, para prestar todo acompanhamento psicossocial, com psicólogos e assistentes sociais. A Seduc e a DRE 08 já estão tomando todas as medidas necessárias para que atos como este não se repitam e não comprometam a integridade física e emocional dos estudantes. A jovem ferida foi encaminhada ao Huse e está internada em observação”, destacou.

Fonte: Infonet

Publicidade
Publicidade