PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
page
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
page
Publicidade

Politicagem leva vereadora a cobrar respeito na Câmara de Vereadores de Lagarto

Não há quem duvide que a política em Lagarto, assim como em qualquer outro município interiorano, pega fogo independentemente de ser ano eleitoral. Pelas terras de Reis, Ribeiros e Monteiros, por exemplo, a disputa política adotou nomes da novela “Saramandaia”, exibida pela TV Globo.

Ainda em Lagarto, a sua história política mostrou que, noutros tempos, um prefeito fazia  a obra e o outro desfazia. O Balneário Bica está ai como exemplo. Entretanto, infelizmente, parece que esse costume ainda se perpetua na maior cidade do interior sergipano, uma vez que a vereadora Creuza do Oiteros utilizou a tribuna da Câmara Municipal de Vereadores, na sessão da última quinta-feira (9), para criticar algumas ações adotadas pelos vereadores da situação.

Segundo ela, em discurso de desabafo, os vereadores de oposição vivem cobrando a moral da Câmara de Vereadores, devido a uma “ciumeira” existente entre os nobres edis daquela casa. Uma verdadeira politicagem mesquinha.

“Se a vereadora Creuza pedir para uma máquina ir para a região do Oiteiros, ai o vereador Jocelmo chega e diz: ‘Prefeita, não mande não que você vai dar nome a vereadora Creuza e não sei o quê’. Minha gente, a população está vendo e sabendo que quem executa e tem o direito de resolver é a administração”, destacou a vereadora acrescentando que a disputa política eleitoral deve ficar para os 45 dias que antecedem a votação.

Confira o desabafo de Creuza do Oiteiros:

Publicidade