PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
page
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
page
Publicidade

Eleições 2022: Fábio Mitidieri anuncia Zezinho Sobral como vice

O pré-candidato ao governo do Estado pelo PSD, Fábio Mitidieri, anunciou o deputado estadual Zezinho Sobral, do PDT, como vice na chapa que disputará o pleito em outubro. O nome de Zezinho foi escolhido após reunião com o governador Belivaldo Chagas, o prefeito Edvaldo Nogueira e lideranças governistas.

Com a não aceitação de Danusa Silva, o prefeito Edvaldo Nogueira trabalhou para que o PDT indicasse outro nome de seu partido. A definição ocorreu no início da tarde desta quarta-feira, 3. Com isso, a coligação composta pelos partidos PSD, PP, Republicanos, PDT, União Brasil terá a chapa com Fábio Mitidieri para governador, Zezinho Sobral para vice-governador, Laércio Oliveira para senador.

Fábio afirmou que Sobral agrega experiência e conhecimento de gestão à chapa que pretende gerar emprego e combater a fome no estado. Líder do governo na Assembleia Legislativa, o agora pré-candidato a vice já atuou como secretário de Saúde, de Trabalho, de Inclusão e de Agricultura.

“Não existe pressão para escolher vice porque estamos tratando do futuro de nosso estado. Temos responsabilidade com o projeto que estamos construindo. Não é barganha para enganar eleitor. Zezinho Sobral é um político experiente, líder do governo, foi secretário em várias pastas. Tem muito o que contribuir e estou muito feliz que ele tenha aceitado o convite para fazer Sergipe avançar comigo”, afirmou.

Histórico de Zezinho

Natural de Laranjeiras e filiado ao PDT, Zezinho Sobral é agrônomo, advogado, casado, pai de cinco filhos e avô.

Em 2018, foi candidato pela primeira vez a deputado estadual. Em fevereiro de 2019, na Alese, iniciou o mandato com o foco em debater e solucionar os problemas importantes de Sergipe. Seu foco são as pautas voltadas para a saúde, agricultura, desenvolvimento, educação e turismo sustentável.

Em 2011, foi diretor presidente da Empresa de Desenvolvimento Sustentável do Estado de Sergipe (Pronese), passou pelas Secretarias de Estado do Trabalho, da Juventude e da Promoção da Igualdade Social (antiga Setrapis), da Agricultura e do Desenvolvimento Rural (Seagri). Foi secretário de Estado do Planejamento e Gestão, e secretário chefe da Casa Civil do governo de Sergipe.

Em janeiro de 2015, foi secretário de Estado da Saúde onde, durante um ano e três meses, contribuiu significativamente para que a saúde pública em Sergipe desse um salto de qualidade na assistência ao usuário do Sistema Único de Saúde (SUS). Em sua gestão, o Samu Sergipe foi considerado o melhor do Brasil.

Em 2017, foi para a Secretaria de Estado da Inclusão e Assistência Social, onde implantou e fortaleceu diversas ações para atender aos anseios da população que mais precisa, ampliando o diálogo com agricultores, cooperativas e associações, em todas as regiões.

Publicidade